Tempo de leitura 4 minutos

Com a recomendação do Ministério da Saúde de evitar a aglomeração de pessoas para ajudar no combate contra o coronavírus, cresce cada vez mais o número de pedidos de adiamento e cancelamento de festas.

Tenho certeza que essa situação está tirando seu sono e alimentando sua angústia. Por isso estou aqui, para te apoiar e orientar da melhor forma possível. Estaremos juntos neste momento!

E, para auxiliar você nesta complicada fase eu vou esclarecer as três principais preocupações dos donos de casas de festas e buffets de todo o Brasil: adiamentos, cancelamentos e boletos (e mais boletos)

Continue lendo e saiba como você pode amenizar os danos causados pelo novo coronavírus!

Adiamentos

Com o aumento de casos da Covid-19 em todos os estados brasileiros cada vez mais as pessoas estão tomando medidas para cuidar da sua saúde e do bem estar da família e dos amigos.

Uma dessas medidas é adiar comemorações, como festas de aniversários, casamentos e eventos corporativos.

Por este motivo, os buffets e casas de festas recebendo diariamente pedidos de adiamentos das festas contratadas.

Nessa hora, o desespero bate a porta e deixa os empresários do setor de festas aflitos. Como agir quando isso acontece? Veja algumas dicas:

  • Mostre empatia

O fato dos clientes escolherem pelo adiamento da festa, invés de cancelar, significa que eles ainda pretendem usar seus serviços e, isso é um ótimo sinal.

Então mostre que se importe! Tenha um bom diálogo, seja transparente e compreensível. Realize o adiamento da festa e passe todas informações necessárias para a marcação da festa contratada.

Para deixar essa ação mais segura refaça o contrato. Assim você garantirá a segurança processual e nenhum dano financeiro afetará ambas as partes.

  • Ofereça recompensa

Enfatize para seu cliente que adiar a festa, invés de cancelar, é a melhor decisão. Para isso, mostre, por meio de agrados, porquê o adiamento da festa é a melhor saída neste momento.

Você pode oferecer desconto ou acrescentar algum serviço que seu buffet oferece. Além de mostrar para seu cliente que você se importa também é uma ótima de fidelizá-lo.

  • Comunique os convidados

Após conversar com seu cliente é preciso comunicar o adiamento da festa aos convidados. Para facilitar essa ação, você pode disponibilizar ferramentas para seus clientes.

Os buffets inteligentes que usam Oniplataforma já contam com esta ferramenta. Quer ser um deles? Teste 30 dias grátis.

No comunicado é preciso informar o motivo do adiamento e, caso já tenha sido escolhida, a nova data da festa. Caso o cliente ainda não tenha decidido quando será o evento, deixe esta opção em aberto.

Ah, e uma dica extra é você usar suas redes sociais para promover o movimento Não Cancele, Remarque com a #naocanceleremarque.

Assim você estará fortalecendo o movimento do setor de festas e entretenimento e conscientizando cada vez mais pessoas sobre a importância de adiar a festa.

Cancelamentos

Este com certeza é um problemão e, infelizmente os pedidos de cancelamento estão fazendo parte da rotina dos milhares de buffets e casas de festas espalhados por todo o país.

Mas calma, vou dar dicas que podem te ajudar a reverter os pedidos de cancelamentos ou tornar este momento menos tenso.

1) Negocie com os clientes

Para converter um pedido de cancelamento em adiamento você pode oferecer descontos ou acrescentar, sem custo ao cliente, um item que não estava no contrato da festa.

Ao fazer isso, seu cliente vai pensar mais antes de cancelar e ficará tentado a adiar o evento para outra data, quando tudo isso passar (eu ouvi um amém?)!

Você pode sugerir que ele mantenha o crédito com o seu buffet e quando tudo voltar a normalidade, ele pode usar o valor já pago para fazer um evento.

Porém, se mesmo oferecendo descontos e serviços extras o cliente ainda decidir pelo cancelamento a negociação pode ser feita no reembolso.

Neste último caso, você pode negociar com o cliente em pagar o restante de forma parcelada. O importante é, que independente do que seja resolvido, você registre isso por meio de um contrato.

2) Faça do limão uma limonada

Durante este período é preciso, para o bem de todos, nos cuidarmos e seguirmos as orientações do Ministério da Saúde. São tempos difíceis, mas passarão.

A dica é usar a criatividade para manter seu negócio em pé e dispensar o menor número de funcionários. Muitos buffets têm sido criativos disponibilizando o serviço de delivery.

Uma comunicação direta e objetiva nas redes sociais será fundamental para divulgar a novidade. Inspire-se em casos de sucesso.

É uma saída criativa que tem trazido alívio para donos de buffets. Quer saber quais cuidados são precisos? Baixe agora gratuitamente nosso ebook!


Guia prático de como lidar com o coronavírus no serviço delivery


 

3) Use as redes sociais

Neste momento é vital manter um bom relacionamento com seus clientes.Você pode conseguir isso usando as redes sociais para se manter presente na vida dos seus clientes.

Para isso, publique informações sobre como está lidando com esta situação. Como está cuidando dos seus funcionários e da saúde da sua família.

Compartilhe materiais que possa ajudar os pais a entreter seus filhos, como dicas de filmes, séries e jogos educativos.

Uma dica muito legal é fazer vídeos para os clientes que tiveram a festa adiada ou cancelada, como o buffet Espaço Arruaça. Isso vai encantar a criançada e deixar os pais emocionados!

Mas tome cuidado com o que compartilha. Evite postar opiniões políticas ou ideológicas, isso pode gerar debates desnecessários nas redes sociais.

Boletos (e mais boletos)

Se os pedidos de adiamentos e cancelamentos tiram seu sono, imagino que os boletos nem te deixam chegar na cama! Para te ajudar a aliviar este peso das suas costas segue algumas dicas:

  • Reveja seus gastos fixos: com essa crise o seu faturamento com certeza foi afetado. Por isso, o momento pede uma revisão nos gastos fixos. Após analisar quais gastos são dispensáveis, o próximo passo é cortá-los;
  • Renegocie: muitas instituições financeiras já estão abertas a renegociação de prazos, taxas e juros. Procure seu gerente e analise as propostas. Também verifique a possibilidade de negociar prazos de aluguel e demais gastos para manutenção do seu espaço;
  • Mantenha a equipe: estude as alternativas possíveis para manter a equipe. A crise não vai durar para sempre e você vai precisar de pessoal qualificado para retomar as atividades quando tudo passar;
  • Se qualifique: busque conhecimento para lidar com esta situação. Várias instituições oferecem cursos que podem te ajudar a lidar com as finanças neste momento. No Portal do Sebrae, por exemplo, todos os cursos online são gratuitos.

Espero que estas dicas ajudem você neste momento! Em caso de dúvidas, deixe seu comentário.

E se quiser mais conteúdo para fortalecer seu negócio acesse nosso blog! Ah, e não deixe de acompanhar a #naocanceleremarque no Facebook e Instagram.

Ericka Araújo

About Ericka Araújo

Jornalista apaixonada por séries, filmes, café e uma boa prosa. Quando não está escrevendo, está comendo e, as vezes faz as duas coisas ao mesmo tempo.

Leave a Reply